Consultoria ou assessoria de marketing: qual o melhor para minha empresa?

Por Gabriel Galvão

Como contrato um profissional de marketing: Uma consultoria ou uma assessoria?É uma dúvida cruel que castiga o raciocínio do cliente. Ele reconhece que tem necessidade da ajuda de um profissional de marketing, e isso já é um ótimo começo. Mas, como contratá-lo: como um consultor ou assessor? Qual a situação ideal para cada modalidade de prestação de serviço? Espero poder tirar as dúvidas neste texto, até porque também tenho prospects com essa interrogação na cabeça.

Qual a diferença entre consultoria e assessoria?

Se você for procurar isso no Google poderá ficar um pouco confuso quanto a relação desses termos. Darei minha definição pessoal sobre consultoria e assessoria, seja de marketing ou qualquer outra área.

Consultoria: Atividade que envolve análise da situação inicial do cliente, proposição de intervenção, aplicação da intervenção e comprovação dos resultados, deixando o terreno pronto para que o cliente tenha a opção de continuar por si só;

Assessoria: Atividade de auxílio às atividades do cliente em determinada área, geralmente estratégica, sem necessariamente estar baseada numa proposta de intervenção e geralmente sem tempo determinado.

Para mim, basicamente, a consultoria trata de um problema ou situação isolada, para resolvê-la metodologicamente, enquanto a assessoria trata de dar suporte ao cliente tanto numa situação específica quanto no que for surgindo ocasionalmente.

Então, quanto devo contratar um consultor e quando contratar um assessor de marketing?

Vamos ilustrar esse cenário.

Digamos que você tem um clube de campo. Sua alta temporada é durante o outono e inverno, e no verão há queda na ocupação do clube pelo fato dos clientes preferirem as praias. Como resolver essa situação? Uma consultoria pode dar conta disso diagnosticando, fazendo um projeto e aplicando-o para que, no próximo verão, o clube tenha uma boa quantidade de hóspedes. De posse dos resultados da consultoria, o clube poderá aplicar a mesma fórmula em outras temporadas, independente do consultor, o que não impede de solicitar seus serviço novamente para resolver problemas parecidos.

Agora, imaginemos que o seu belo clube de campo não tem apenas uma situação como essa, mas várias outras, de menor dificuldade de resolução, mas que juntas estão prejudicando a empresa. Você não tem um setor de marketing, mas precisa de um profissional que tenha mais contato com o dia a dia da organização para ir resolvendo os pequenos problemas de agora e os que provavelmente irão aparecer nos próximos meses. Nesse caso, um assessor é o mais indicado, que vai atuar como uma espécie de “consultor fixo” na empresa.

Clareou a mente? Ainda não? Então, quando precisar de serviços terceirizados de marketing, converse com uma consultoria e também com uma assessoria e compare os dois. Só contrate após ter certeza de qual tipo de prestação de serviço é melhor para sua empresa.

A sua empresa precisa de um consultor ou assessor de marketing? Você conhece algum caso parecido? Comente!

Sobre Gabriel Galvão

Administrador habilitado em marketing, consultor de marketing, desenvolvedor de sites e blogs, editor do blog e palestrante.

3 comentários

  1. Ótimas palavras, mas quanto vale uma consultoria de mkt hj em dia no mercado?

    • Oi, Danilo.

      O valor de uma consultoria é muito variado: depende do profissional ou empresa que prestará serviço, do tipo de consultoria, da disponibilidade dos envolvidos e do tempo em que será prestado o serviço.

      Um abraço e feliz Ano Novo!

  2. Boa tarde,

    Gostei da definição.

Deixe uma resposta




Marque para ser avisado de novos comentários via e-mail. Você também pode se inscrever sem comentar.